Palavras de Salvação.

pesquisar

 
Sábado, 11 / 07 / 09

Reconhecimento do Novo Testamento.

A Palavra de Deus - 10.
Continuação do post anterior.
As palavras de Jesus foram reconhecidas de autoridade por Ele próprio e pelos seus apóstolos. Jesus afirmou que suas palavras tinham poder e autoridade sem igual. (Veja em João 6.63: “O Espírito é o que vivifica; a carne para nada aproveita; as palavras que eu vos tenho dito são espírito e são vida.” - RA; e em João 15.3: “Vós já estais limpos pela palavra que vos tenho falado;” - RA). Ele disse que elas não passarão (Veja em Marcos 13.31: “O céu e a terra desaparecerão, mas as minhas palavras ficarão para sempre.” - NTLH) e devem ser ouvidas e obedecidas (Veja em Mateus 5.21,22 ss: “—Vocês ouviram o que foi dito aos seus antepassados: “Não mate. Quem matar será julgado.” Mas eu lhes digo que qualquer um que ficar com raiva do seu irmão será julgado. Quem disser ao seu irmão: “Você não vale nada” será julgado pelo tribunal. E quem chamar o seu irmão de idiota estará em perigo de ir para o fogo do inferno.” (Mateus 5:21,22 NTLH); em Mateus 7.24: “ —Quem ouve esses meus ensinamentos e vive de acordo com eles é como um homem sábio que construiu a sua casa na rocha.” (Mateus 7:24 NTLH); e em João 8.31: “Então Jesus disse para os que creram nele: —Se vocês continuarem a obedecer aos meus ensinamentos, serão, de fato, meus discípulos” - NTLH).
Os apóstolos também reconheceram a autoridade divina do Seu Mestre e Senhor (Veja Atos 20.35: “Em tudo tenho mostrado a vocês que é trabalhando assim que podemos ajudar os necessitados. Lembrem das palavras do Senhor Jesus: “É mais feliz quem dá do que quem recebe.”” - NTLH; em 1 Coríntios 7.10: “Para os que já estão casados tenho um mandamento, que não é meu, mas do Senhor: que a mulher não se separe do seu marido.” - NTLH; e em 1 Coríntios 11.23: “Porque eu recebi do Senhor este ensinamento que passei para vocês: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, pegou o pão” - NTLH).
Em 1Timóteo 5.18: “Pois a Escritura declara: Não amordaces o boi, quando pisa o trigo. E ainda: O trabalhador é digno do seu salário.” - RA, temos a combinação de um versículo do Antigo Testamento (Deuteronômio 25.4: “ Não atarás a boca ao boi quando debulha.” com outro do Novo Testamento (Lucas 10.7: “Permanecei na mesma casa, comendo e bebendo do que eles tiverem; porque digno é o trabalhador do seu salário. Não andeis a mudar de casa em casa.” - RA, extraído dos ensinos de Jesus, sob a designação de Escritura.
Isto confere às palavras de Cristo autoridade igual a das Escrituras do Antigo Testamento.
Continua no próximo post.
Viva Jesus!
Deus lhe abençoe!
publicado por homota às 17:28
Domingo, 05 / 07 / 09

Reconhecimento das Escrituras.

A Palavra de Deus – 9.
Continuação do post anterior.
Jesus Cristo acreditava que as Escrituras eram uma revelação de Deus dada sob a inspiração do Espírito Santo (Veja em Marcos 12.36: “Pois Davi, inspirado pelo Espírito Santo, escreveu: “O Senhor Deus disse ao meu Senhor: ‘Sente-se do meu lado direito, até que eu ponha os seus inimigos debaixo dos seus pés.’”” - NTLH). Jesus cria na autoridade de todo o Antigo Testamento (Veja em Lucas 24.25-27: “Então Jesus lhes disse: —Como vocês demoram a entender e a crer em tudo o que os profetas disseram! Pois era preciso que o Messias sofresse e assim recebesse de Deus toda a glória. E começou a explicar todas as passagens das Escrituras Sagradas que falavam dele, iniciando com os livros de Moisés e os escritos de todos os Profetas.” - NTLH). Referiu-se a cada uma das suas principais divisões: a lei (Mateus 4.4: “Jesus respondeu: —As Escrituras Sagradas afirmam: “O ser humano não vive só de pão, mas vive de tudo o que Deus diz.”” - NTLH), os livros poéticos (Lucas 24.44: “ Depois disse: —Enquanto ainda estava com vocês, eu disse que tinha de acontecer tudo o que estava escrito a meu respeito na Lei de Moisés, nos livros dos Profetas e nos Salmos.” - NTLH) e os profetas (Marcos 7.6: “Jesus respondeu: —Hipócritas! Como Isaías estava certo quando falou a respeito de vocês! Ele escreveu assim: “Deus disse: Este povo com a sua boca diz que me respeita, mas na verdade o seu coração está longe de mim.” - NTLH).
Jesus aceitou as histórias do Antigo Testamento com verdadeiras. Aceitou os milagres, as profecias e a ética. E não foi uma simples acomodação à crença de sua época, pois permitiu que a Palavra escrita dirigisse Sua missão, fez uso dela para resistir a satanás no deserto e citou-as durante seu momento final da agonia na cruz. Ele sujeitou-se às Escrituras do Antigo Testamento. Portanto, para Jesus, a Escritura antiga era fonte final de autoridade.
Os apóstolos também reconheceram a autoridade final do Antigo Testamento. Ele citaram a Escritura Antiga como apoio aos seus ensinos. Com freqüência apresentaram a fé cristã como cumprimento das Escrituras (Veja em Atos 3.22-25: “Pois Moisés disse: “Do meio de vocês o Senhor Deus escolherá e enviará para vocês um profeta, assim como ele me enviou. Obedeçam a tudo o que ele lhes disser. Aquele que não obedecer será separado do povo de Deus e destruído.” Samuel e todos os profetas que vieram depois dele falaram a respeito destes dias. As promessas que Deus fez por meio dos seus profetas são para vocês. E vocês fazem parte da aliança que Deus fez com os seus antepassados, quando disse para Abraão: “Por meio dos seus descendentes, eu abençoarei todas as nações do mundo.”” - NTLH; em Atos 4.11: “Jesus é aquele de quem as Escrituras Sagradas dizem: “A pedra que vocês, os construtores, rejeitaram veio a ser a mais importante de todas.”” - NTLH; e em Romanos 1.2: “Há muito tempo essa boa notícia foi prometida por Deus, por meio dos seus profetas, e escrita nas Escrituras Sagradas.” - NTLH).
Para os apóstolos, assim como para o seu Mestre, O Antigo Testamento era a Palavra de Deus escrita (Veja Atos 4.25: “Tu falaste por meio do Espírito Santo e do nosso antepassado Davi, teu servo, quando ele disse: “Por que as nações pagãs ficaram furiosas? Por que os povos fizeram planos tão tolos?” - NTLH; em 2 Timóteo 3.16: “Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver.” - NTLH; em Hebreus 10.15-17: “E o Espírito Santo também nos dá o seu testemunho sobre isso. Primeiro ele diz: “Quando esse tempo chegar, diz o Senhor, eu farei com o povo de Israel esta aliança: Porei as minhas leis no coração deles e na mente deles as escreverei.” Depois ele diz: “Não lembrarei mais dos seus pecados nem das suas maldades.”” - NTLH; e em 2 Pedro 1.21: “Pois nenhuma mensagem profética veio da vontade humana, mas as pessoas eram guiadas pelo Espírito Santo quando anunciavam a mensagem que vinha de Deus.” - NTLH).
Continua no próximo post.
Viva Jesus!
Deus lhe abençoe!
publicado por homota às 13:01
Este blog é feito para divulgar a Palavra de Deus, e as doutrinas e fatos da história da Igreja Cristã.

mais sobre mim

Julho 2009

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

últ. recentes

  • Amei essa palavra.
  • A paz do Senhor, sobre o ponto 4, através dos estu...
  • esqueceram da ultima aliança através do profeta Mo...
  • Rapaz tua mente esta cauterizada, você esta fudido...
  • Texto maravilhoso me emocionei muitoObrigado a que...
  • Olá boa noite a paz de Cristo !! Gostaria de saber...
  • Jesus nosso salvador
  • O que vc falou é a pura verdade gostei.ainda tem...
  • Gostaria que tivesse a opção partilhar no whatsap!
  • Minha Mãe muito amada hoje está junto ao Senhor.De...

tags

todas as tags

subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro